Você está aqui: Início » Cuidados » Emagrecer cachorro: dicas e cuidados para deixar seu cão em forma
Emagrecer cachorro

Emagrecer cachorro: dicas e cuidados para deixar seu cão em forma

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Com humanos, conhecemos nossos sinais de excesso de peso: baixa energia, falta de ar e uma barriga saliente que nem sempre pode ser escondida. Mas com os cães, determinar se existe um problema de peso nem sempre é tão fácil. Saiba como emagrecer cachorro.

Talvez o peso de seu animal seja um fator de sua raça, ou talvez eles estejam apenas ficando mais velhos, mas, de qualquer forma, saber como emagrecer cachorro pode ser de grande ajuda.

Veja também – Obesidade em cachorros: Como resolver esse problema?

Descubra se o seu cão está com excesso de peso e como ajudá-lo a perder esse peso, se necessário.

É preciso emagrecer cachorro?

A verdade é que os cães, assim como os humanos, mostram sinais de ganho de peso, e consertar o problema é a melhor coisa que você pode fazer para proteger seu animal de estimação e garantir que ele tenha o máximo proveito na vida.

Leve seu filhote ao veterinário e faça exames regulares. A maioria das clínicas faz um excelente trabalho em monitorar o peso do seu cão sempre que ele vem para uma visita. Quaisquer sinais de ganho de peso devem ser abordados.

Além do veterinário, você deve inspecionar seu cão para determinar se ele precisa perder alguns quilos. Um bom lugar para começar a análise é nas costelas.

Deve haver uma camada de gordura cobrindo as costelas, mas você deve ser capaz de sentir distintamente cada uma das costelas do seu cão.

Cães acima do peso terão excesso de gordura nesta área (você também será capaz de dizer é preciso emagrecer cachorro e observando seu abdômen).

Você também deve verificar seu cão a partir de uma visão lateral. A maioria dos cães tem o peito e a barriga proeminentes, mas deve haver um aumento perceptível do tórax à medida que ele se move.

Se a barriga do seu cão, desde as patas dianteiras até as costas, estiver paralela ao chão, há uma boa chance de você ter um cão obeso, sendo preciso apostar em dietas ou em exercícios extras.

Riscos para a saúde de cães com excesso de peso

Obviamente, quando falamos sobre nossos animais de estimação, queremos o melhor para eles. A melhor coisa que podemos fazer pelos nossos cães é manter seu peso sob controle.

Há uma série de doenças e condições que resultam da obesidade em cães, a maioria das quais levará a uma vida útil mais curta com uma pior qualidade de vida.

Problemas ósseos e articulares

Vinte e cinco por cento dos cães obesos desenvolvem problemas ósseos e articulares em algum momento de suas vidas.

Assim como nos seres humanos, o peso adicionado às articulações, tendões e ligamentos irá desgastá-los rapidamente, fazendo-os perder a mobilidade, o que leva a mais ganho de peso adicional.

A artrite e a displasia da anca podem desenvolver-se ao longo do tempo e causar dor e sofrimento indesejados.

Problemas respiratórios

Outro problema óbvio com cães obesos é o de problemas respiratórios. O aumento de peso leva a dificuldade para respirar e à perda de resistência.

A adição de gordura ao corpo dificulta o funcionamento correto dos órgãos internos do cão, e ele pode desenvolver problemas de saúde e de pulmão devido ao aumento do tecido adiposo ao redor desses órgãos.

O fígado é outra área que pode ser afetada quando muita gordura se acumula – ele pode chegar até mesmo a se decompor.

Doenças comuns em cães obesos

Os maiores problemas vistos em cães obesos são doenças cardíacas e pressão alta.

Além desses, no entanto, é comum que os cães que são obesos desenvolvam problemas de tireoide e possam até desenvolver diabetes.

Há também preocupação com as infecções do trato urinário e reprodutiva se a obesidade não for tratada adequadamente.

Dicas para emagrecer cachorro

Assim como em seres humanos, quando se considera como colocar o seu cão em uma dieta, alimentação e exercício são os dois fatores mais importantes para que seu amigo tenha um peso saudável.

Coloque seu cão em uma dieta

O primeiro passo que você deve tomar para emagrecer cachorro é mudar sua dieta. Monitore o que você alimenta seu cão em uma base diária.

Você lhe dá restos de comida da mesa?

Você mede sua comida antes de colocá-la em sua tigela? Você o recompensa com guloseimas?

Muitas vezes nós, como donos de animais de estimação, não temos controle quando eles pedem comida e cedemos quando achamos que nosso cachorro quer ser alimentado de forma extra.

Depois de abordar porções e “extras”, você deve buscar uma comida de cachorro voltada para a perda de peso.

Veja também – Alimentação Natural para cachorros: benefícios e cardápio

A comida voltada para a perda de peso alimentar está disponível em quase todas as lojas de animais e é um grande primeiro passo no combate à obesidade.

Há uma série de fatores a considerar ao decidir qual comida de cachorro é a ideal para o seu animal de estimação.

Consultar seu veterinário é a maneira correta de descobrir o que é melhor para emagrecer cachorro.

Geralmente, marcas orgânicas que são ricas em proteínas e fibras e pobres em gordura e calorias são boas opções para começar a procurar.

Você também tem que levar a raça do seu cão em consideração e monitorar as porções, que é algo que deve ser discutido com o seu veterinário.

Leve seu animal para fazer exercícios

O exercício para emagrecer cachorro começa com caminhadas diárias, mas apenas deixar seu animal de estimação correr pelo quintal ou em um parque é uma ótima maneira de permitir que ele queime calorias extras.

No entanto, algumas raças são hiperativas e são propensas ao excesso de exercício.

De você está lidando com um cão com excesso de peso, é melhor controlar a quantidade de exercício vigoroso que seu animal faz até que ele esteja em um nível saudável.

Nos meses mais frios ou quando o tempo não está cooperando, você ainda pode encontrar maneiras de exercitar seu cão dentro de casa.

Jogar brinquedos e usar as escadas são ótimas maneiras de fazer seu cão correr em pequenos espaços.

Cada raça precisa de uma quantidade diferente de exercício, e cabe a você entender o quanto você pode oferecer a seu cão sem forçar demais.

Novamente, comece devagar e aumente gradualmente suas rotinas de exercícios para emagrecer cachorro com saúde.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas