Você está aqui: Início » Doenças » Cachorro com dor de ouvido

Cachorro com dor de ouvido

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Para quem possui um cão em casa já deve saber que não é difícil que ele passe mal, seja pelo fato de ter comido algum alimento ou por conta de um parasita. Mas, quando se encontra vulnerável o dono deve se atentar no cachorro com dor de ouvido.

A dor de ouvido em cachorro não é diferente de certas infecções, como a de garganta ou até mesmo a de barriga, conforme o caso. Mas, dentre as citadas, a dor de ouvido é uma das mais incômodas e ao mesmo tempo a mais fácil de ser afetada em um cachorro.

Normalmente, ela é fácil de ocorrer no cachorro pelo fato das orelhas dos cães sempre estarem expostas e poderem ficar inflamadas de maneira rápida. No entanto, para que isso não ocorra, pode-se tomar algumas prevenções, e por ser uma área sensível, todo cuidado é pouco.

Principais sinais do cachorro com dor de ouvido

Geralmente, os principais sinais do cachorro com dor de ouvido é o fato dele se tornar bem mais agressivo e muito incomodado, onde se o dono mexe nas orelhas do cão, ele pode se mostrar extremamente irritado e as chances das dores são ainda maiores.

Além disso, a espessura da orelha do cachorro e a cor podem mudar, se tornando mais inchada, além do surgimento da vermelhidão. Outro fator é a perda do apetite do cachorro que reduz de forma considerável, em que ele deixa até mesmo de ficar sem comer nada.

É muito comum que o cachorro sacuda a sua cabeça de forma constante, sendo esse um sinal de que ele está com muita coceira, a qual é ocasionada pela inflamação e o ato do cão coçar com as patas pode deixar as orelhas com ferimentos, como hematomas e dermatites.

Causas do cachorro com dor de ouvido

Existem muitas causas que fazem com que o cachorro tenha dor de ouvido, onde uma das primeiras pode ser que o cão esteja com uma infecção simplesmente pelo fato de já possuir uma tendência de desenvolver tal tipo de problema de saúde.

Mas, existem determinadas raças de cachorros que são mais propensas a terem dor de ouvido, como o Cocker Spaniel e o Labrador Retriever, principalmente pelo formato mais pendulado das orelhas, favorecendo a umidade e o calor, sendo mais propício a fungos e bactérias.

Além disso, a conformação do canal auditivo, a umidade em excesso, tratamentos incorretos e obstruções do canal, podem acabar prejudicando o ouvido do cachorro.

Outros tipos de causas podem ser ainda as alergias e os ácaros, como os fungos que podem provocar uma secreção mais escura e com um cheiro ruim, porém, esses não são problemas muito graves e com certos cuidados pode-se resolver de forma rápida.

No entanto, quando a dor de ouvido for gerada por bactérias, pode ocorrer uma dor intensa, em que se formam acúmulos de pus e ao ser mal curada, pode ainda ocasionar em outras crises de inflamações.

Um outro problema comum, mas que ocasiona na dor de ouvido, é a higienização mau feita, em que o acúmulo de cera e qualquer secreção na orelha do cachorro pode acabar entupindo-o, mas, a limpeza em excesso e sem secar corretamente, quando a água do banho se acumula, pode ocasionar também na inflamação.

Vale ressaltar que acontecimentos do dia a dia podem propiciar muito na dor de ouvido no cachorro, como o vento forte nas orelhas. Por isso, todo o cuidado do pet shop com o seu cachorro deve ser sempre proporcionando a ele, em que a pessoa responsável pelo banho deve ter atenção para que ele não saia com as orelhas úmidas.

Tratamento do cachorro com dor de ouvido não é complicado

O tratamento do cachorro com dor de ouvido não exige muito do seu dono, porém, é preciso que haja certo comprometimento, onde a primeira atitude é sempre limpar os condutos auditivos do cão para ter certeza que nada possa obstruir os ouvidos dele, pois qualquer secreção e crostas podem acabar atrapalhando o tratamento.

Depois disso, é preciso que seja aplicado medicamentos no cachorro, onde isso deve ser realizado pelo veterinário, e conforme o caso, pode ser prescrito algum antibiótico ou antifúngico para o cão.

Além disso, o tratamento de dor de ouvido em cachorro pode estar associado no uso de algum medicamento tópica e na limpeza dos ouvidos, em que certos casos, existe a necessidade da associação da medicação tópica, antibiótico ou anti-inflamatório.

É preciso lembrar ainda que o sucesso do tratamento com a medicação tópica depende ainda muito do dono respeitar corretamente a forma como foi indicado, além da maneira de executá-lo, o tempo de duração e os intervalos da medicação.

Geralmente, essa parte que deve sempre ser a mais simples do processo todo, pode acabar sendo um dos entraves para o tratamento dar certo, ou seja, se é preciso que seja pingado 10 gotas em cada ouvido e de 8 em 8 horas, então o dono deve realizar exatamente isso.

 

É possível prevenir a dor de ouvido no cachorro?           

Apesar da realização do tratamento, o dono deve ainda sempre manter alguns cuidados para que se volte a dor de ouvido ou alguma infecção no cachorro, em que a limpeza das orelhas dele deve ser realizada de forma constante para que se garanta uma boa audição e evite essa dor.

Caso o seu cão tenha muito pelo na área interna das orelhas, busque leva-lo para fazer uma tosa higiênica e evitar que haja um acúmulo de sujeira. Mas, se ele possui orelhas compridas, o ideal é que ele tenha um pote de água mais fundo e estreito, pois assim ele não irá molhar as orelhas ao beber água.

Portanto, se você tem pet em casa, não se arrisque e não coloque a saúde dele em risco, pois o cachorro com dor de ouvido é extremamente incômodo para ele, sendo necessário leva-lo imediatamente ao veterinário para que haja o tratamento correto e com a medicação adequada.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas