Você está aqui: Início » Adestramento » Como lidar com um cachorro agressivo? Tem solução?
Cachorro agressivo

Como lidar com um cachorro agressivo? Tem solução?

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

É a convivência do cachorro com o seu dono que define se a relação será boa ou não. Afinal de contas, os cães são como se fossem um membro da família e um cachorro agressivo dentro de casa pode ser muito prejudicial. Entenda porque os cachorros podem se tornar agressivos e o que fazer se isso acontecer.

Além das mordidas que podem acontecer, os cachorros quando são bravos tendem a ser isolados pela família. Isso é péssimo para os bichinhos que querem apenas um pouco de educação e atenção. Procurar ajuda de um profissional capacitado é o melhor caminho a seguir.

Acredite, quando você tem um cachorro agressivo, isolá-lo vai fazer com que se torne cada vez mais agressivo e triste, pois essa situação o faz sofrer, afinal ninguém quer ficar sozinho e isolado.

Causas que tornam um cachorro agressivo

De acordo com diferentes especialistas, não existe apenas uma causa, mas sim diversas que fazem um cachorro se tornar agressivo. Existem alguns fatores especiais que contribuem para o surgimento dessa agressividade como questões genéticas, ambientes em que estão inseridos, estado geral de saúde, idade e condições de sociabilização.

A seguir você confere os principais fatores que fazem os cães se tornarem agressivos. Acompanhe:

  • Medo de alguma situação;
  • Marcar território;
  • Sentir muita dor;
  • Distúrbio das taxas hormonais;
  • Situações de maus tratos onde ocorre a privação de alimento, água e cuidados básicos;
  • Querer dominar e possuir o espaço;
  • Solidão.

É importante ressaltar que mesmo o cachorro sendo dócil ele pode se tornar agressivo se não for tratado de maneira correta.

Cachorro agressivo

Algumas raças são mais agressivas do que outras?

Infelizmente ainda existe muitas questões sobre isso, algumas literaturas científicas afirmam que algumas raças são mais agressivas do que as outras e outros dizem que os cães se tornam agressivos por causa de diferentes fatores.

Existem algumas teorias que afirmam que as raças de cachorros que foram reproduzidas de maneira artificial, foram feitas para oferecer proteção, guarda e luta, isso seria um fator determinante para o surgimento de um cachorro agressivo.

Isso significa que de acordo com essas teorias, algumas raças seriam mais tímidas e os níveis de agressividade muito maior que o esperado. Veja a seguir algumas das raças mais agressivas:

  • Pastor Alemão
  • Akita
  • Pitbull Terrier
  • Pastor Australiano
  • Fila Brasileiro
  • Chow-Chow
  • Rottweiler
  • Husky Siberiano

Você deve estar se perguntando, o meu cachorro é agressivo então a culpa não é minha é da genética. Não é bem assim!

Não é apenas a genética que faz com que o seu cachorro seja agressivo, você tem culpa sim, se ele não receber os cuidados adequados, ele pode ser influenciado. Por exemplo, a raça Pitbull está na lista, mas se ele for tratado de maneira correta, ele pode se tornar extremamente dócil.

Sinais de que seu cachorro vai morder

Antes do cachorro agressivo morder, ele dá diversos sinais de que algo não está legal. Existem alguns sinais que devem ser observados pelos donos para que ninguém se machuque.

Acompanhe alguns sinais que indicam que esse cachorro vai te morder, detalhe, esses sinais são graduais e o estágio final é a mordida.

  • O primeiro estágio, o cão apenas faz um pequeno bocejo, na maioria das vezes ele lambe o nariz;
  • O cachorro vira a cabeça para o lado e afasta seu focinho;
  • O cachorro fica sentado e dá pequenas patadas, ele vira o seu corpo para outra direção;
  • O cachorro se afasta da pessoa, parece que ele prevê que vai morde-la;
  • Nessa fase ele rasteja e coloca suas orelhas para trás;
  • O cachorro fica agachado com o seu rabo para baixo;
  • Mantém as patas anteriores elevadas;
  • Sua postura se mantém ereta e seu olhar é totalmente fixa;
  • O cachorro rosna insistentemente;
  • Ameaça que vai morder;
  • Ele finalmente morde e morde pra valer.
Cachorro agressivo

Como reconhecer um cachorro agressivo

Não é apenas a mordida que identifica um cachorro agressivo. Alguns cachorros inclusive, usam a mordida em último caso, apenas quando os seus sinais de desconforto não forem respeitados.

O dono deve ficar atento principalmente em alguns sinais que o cachorro apresenta como rosnar, morder, não obedecer quando é chamado.

Sinais de possessividade dos seus brinquedos, excesso de demarcação de território com xixi, são sinais clássicos do começo de uma agressividade. Quando o seu cachorro brincar com outros cachorros, de maneira enérgica, até mesmo morder alguns objetos, relaxe, esse tipo de atitude é normal e totalmente saudável.

O que fazer para o seu cachorro não se tornar agressivo

O Médico Veterinário é o profissional que vai te ajudar sem dúvidas com o comportamento agressivo do seu cachorro. Ele é um profissional que vai saber se essa agressividade é proveniente de alguma doença ou não.

Se o médico constatar que não existem problemas físicos, então o próximo passo é procurar um profissional especialista em comportamento canino. Adestrador de cães são os mais recomendados nesse caso. Esse profissional vai indicar as melhores alternativas para acabar com essa agressividade.

Agora se o seu cachorro for um filhote, então a história muda!

Nessa fase de filhote, o cachorro aprende mais rápido e a sua sociabilização acontece de maneira natural. Você pode passear bastante com o seu filhote e apresentar para ele muitas pessoas e diferentes cachorros, assim esse processo pode ser mais fácil.

Impor limites é fundamental para que o seu pet entenda que ele não pode fazer o que quiser.

Nunca de maneira alguma seja agressivo com o seu cachorro, maus tratos não é uma maneira eficaz de ensinar o seu cachorro, pelo contrário, essa forma de punição vai deixar o seu cachorro estressado e muito mais agressivo.

Observe o seu cachorro, tente entender o que está deixando-o estressado. Ele está tentando se comunicar, mas não está sabendo como. Se você percebe que determinada vista o deixa nervoso, tente recebe-la de uma maneira que ele não a veja. Ambientes muito barulhentos podem ser extremamente estressante.

Nesse artigo muitas dicas foram dadas para que você mantenha o seu cachorro mais calmo e longe de ataques agressivos.

Cães em perfeito estado de saúde possuem uma tendência muito menor de serem agressivos. Não demore para procurar um profissional especializado, deixar para depois pode se transformar uma tragédia.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas