Você está aqui: Início » Raças de Cachorros » Border Terrier: Saiba tudo sobre a raça
Border Terrier

Border Terrier: Saiba tudo sobre a raça

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Border Terrier é um cão alerta e de temperamento bastante equilibrado. Foi originalmente desenvolvido e selecionado para auxiliar em caçadas a raposas, expulsando os animais de suas tocas e esconderijos, obrigando-as a saírem ao ar livre para serem perseguidas e caçadas.

Por isso, a raça ainda possui um forte instinto para caçar e cavar buracos, assim como o alto nível de energia que permitia que ela acompanhasse os caçadores que estavam a cavalo. Estas características genéticas podem tornar o Border Terrier um cão um pouco cansativo para os donos mais sedentários, mas perfeito para quem quer um companheiro brincalhão e pronto para aventuras.

Veja também – Cuidados com cães no tempo seco: Saiba o que fazer

Características do Border Terrier

São cães fáceis de serem treinados, ágeis e bastante robustos para sua pequena estatura. É um animal muito dedicado aos seus donos e bastante obediente. Costuma ser um pouco reservado em relação a pessoas e animais desconhecidos, mas costuma ter uma ótima relação com eles assim que se acostuma, incluindo crianças e animais de outras espécies.

Um Border Terrier é uma ótima companhia para a família e costumam adaptar-se bem a pequenas casas e apartamentos, desde que receba a oportunidade de exercitar-se apropriadamente.

Border Terrier

São cães que medem pouco mais do que 25 centímetros de altura e possuem uma constituição bastante atlética, com cerca de cinco a sete quilogramas de massa total. Possuem uma boa expectativa de vida, a partir de 13 anos, e não é raro que cheguem aos 15 anos de idade.

Personalidade

Assim como a maioria dos Terriers, esta raça tem um ótimo temperamento, e costuma ser bastante equilibrada em relação à afetuosidade, à obediência e à facilidade geral de treinamento.

São altamente inteligentes e aprendem rapidamente a observar e entender as dicas de qual será o próximo passo de seu dono, como qual o momento em que ele pretende sair para dar uma volta, por exemplo.

Veja também – Venda ilegal de cães: entenda os perigos

Eles não são necessariamente amistosos com outras espécies menores, especialmente em função do seu instinto de caçadores. Eles costumam desenvolver o hábito de procurar alguma presa e criam grandes aventuras para persegui-las.

É importante socializá-lo desde cedo com diferentes espécies e pessoas, assim como ambientes e circunstâncias diferentes, para aproveitar o máximo de seu temperamento equilibrado na maior quantidade de situações possíveis.

História

O Border Terrier é um cão originário do nordeste da Inglaterra, perto da fronteira com a Escócia. Os registros indicam que seu surgimento date a metade do século XVIII e é o resultado genético da constante necessidade dos camponeses de caçarem as raposas em suas terras, utilizando todos os recursos possíveis.

Esta necessidade é o que define a maior parte das características da raça: um cão forte, mas flexível, cheio de energia e extremamente corajoso, com uma pelagem adaptada para resistir às condições climáticas mais adversas.

Cuidados e saúde

O Border Terrier pode ter alguns problemas de saúde, que costumam estar relacionados aos quadris e aos olhos, e que aparecem apenas depois que o cão tornou-se completamente adulto, por volta dos dois anos de idade. Antes disso, é difícil prever se o cão tende a desenvolver estes problemas.

Veja também – Uso da coleira: Entenda a importância

É importante que os donos permitam que o cão desta raça gaste sua energia, pois um animal entediado tende a ganhar peso, tornar-se depressivo, mastigar coisas e fugir – uma vez que os Terrier costumam ser os mestres da fuga.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas