Você está aqui: Início » Cuidados » Vacinas obrigatórias para o seu cão
Vacinas

Vacinas obrigatórias para o seu cão

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Questões como a vacinação dos nossos cachorros podem ser sempre períodos de alguma confusão. Quais vacinas devem ser feitas? E quando elas devem ser feitas? Se o seu cachorro adulto nunca foi vacinado, como você deve proceder? E quando você não sabe se um animal já foi vacinado ou não? Não há motivo para pânico, basta procurar se informar um pouco e você irá perceber que a situação não é tão assustadora quanto parece.

É importante lembrar que as vacinas que um cachorro deve tomar e o momento mais adequado para isso é sempre um critério a ser avaliado pelo seu veterinários, e não algo que deve ser decidido sem ajuda profissional.

vacinas-obrigatorias-para-o-seu-cao

Quais são as vacinas obrigatórias?

As vacinas obrigatórias para qualquer cachorro, são as vacinas múltiplas, as V8 ou V10, e a vacina anti-rábica. As vacinas múltiplas protegem os cachorros contra extensa série de doenças e, embora a V10 encubra mais variações da bactéria que causa a Leptospirose, ela nem sempre é necessária. Isso acontece dependendo da região em que o cachorro vive.

Devido ao extenso número de tipos dessa bactéria, existem muitas variações da vacina, que são direcionadas de acordo com a região onde cada tipo da bactéria existe.

Quando essas vacinas devem ser tomadas?

Para receber as vacinas, o seu cachorro deve estar livre de qualquer sintoma de doença, seja ele febre, diarreia, vômitos, entre outros.

A vacinação enquanto o seu cachorro está doente pode ser em vão, então, se seu cachorro está na época de vacinação, mas apresenta sintoma de alguma doença, é melhor esperar ele se recuperar por completo.

O processo de vacinação pode levar algum tempo, então, os melhores momentos para a vacinação dos animais são;

  • 45 a 60 dias: primeira dose da vacina múltipla
  • 30 dias após a última vacinação: segunda dose da vacina múltipla
  • 30 dias após a última vacinação: terceira dose da vacina múltipla
  • Após os 4 meses de idade: vacina anti-rábica contra a raiva.

E se eu não sei, ou se o cachorro é adulto e ainda não foi vacinado?

Os cachorros não vacinados, ou os cachorros que você não sabe se já receberam a vacina ou não, devem realizar o mesmo procedimento. Isso é, devem receber três doses da vacina múltipla, com um intervalo de 21 dias entre uma dose e outra, além de serem vacinados contra a raiva o mais rápido possível.

Devo ter alguma precaução no dia da vacinação?

Alguns cuidados podem sempre ser tomados para deixar o procedimento mais fácil e seguro. Leve os cachorros presos à coleira, sendo carregados por alguém que tenha força para mantê-los firmes na hora de receber a vacina, por isso evite deixar que crianças levem os cachorros para a vacinação.

No caso de cachorros mais bravos, ou que possam ter uma reação negativa ao serem vacinados, procure colocar sua focinheira, de forma que eles não ofereçam risco a ninguém durante o processo.

Lembre-se: apesar de essas serem as vacinas obrigatórias para todos os cachorros. Dependendo da raça do animal ou da região em que você mora, outras vacinas podem ser recomendadas.

É importante ter uma conversa com o seu veterinário sobre isso, ele é a melhor pessoa para lhe indicar as vacinas adicionais que são mais adequadas para o seu cachorro receber.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas