Início » Cuidados » Pet Sitter: o que é e o que faz este profissional?

Pet Sitter: o que é e o que faz este profissional?

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

Ninguém deve adotar ou adquirir um animal de estimação se não tiver tempo disponível suficiente para dar atenção e oferecer os cuidados básicos que eles necessitam. Mesmo assim, muitas pessoas bastante ocupadas ou que passam o dia longe das suas casas optam por ter um animal de estimação, dando o máximo de amor e carinho possível aos animais.

É nesses casos que a profissão de pet sitter pode ser muito útil. Já famosa em outros países, essa profissão tem ganhado cada vez mais espaço no mercado de trabalho no Brasil. Pet sitter são pessoas que cuidam de animais enquanto o dono está fora de casa, sendo mais conhecidas como babás de animais de estimação.

Serviços oferecidos

pet-sitter-2

Normalmente, um pet sitter trabalha na casa dos donos dos animais, ou seja, se desloca até a casa do animal para cuidar e realizar as atividades solicitadas pelo dono. Esse profissional pode realizar diversas funções, desde apenas fazer companhia e vigiar o animal, até brincar, passear, dar remédios, entre outras. O dono pode contratar o pet sitter por apenas um dia específico na semana, por vários dias ou até durante toda semana, dependendo da disponibilidade do profissional.

Por outro lado, existem pet sitters que atuam na sua própria casa, recebendo os animais e cuidando deles em sua própria residência. Embora menos comum, pode ser útil no caso de donos que precisam viajar ou que não desejam receber o profissional nas suas casas. É uma oportunidade para o animal socializar e interagir com outros bichos.

O pet sitter trabalha principalmente com cães e gatos, mas alguns também cuidam de outros animais, como pássaros e peixes. É importante buscar profissionais que sejam especializados em determinadas espécies de animais e saibam os cuidados necessários para cada raça dentro daquela espécie.

pet-sitter

Benefícios

São diversos os benefícios do pet sitter para os animais, principalmente nos casos em que o animal necessita de atenção especial, como a idade avançada, doenças ou por serem filhotes ainda. No caso do atendimento realizado na própria casa do dono, o animal pode receber atenção e cuidados sem ser necessário se adaptar a um novo ambiente, podendo manter sua rotina.

Além disso, o trabalho do pet sitter evita que os animais desenvolvam doenças relacionadas à solidão intensa, como depressão, estresse ou agressividade. Também impede que animais não acostumados a viverem sozinhos realizem travessuras e baguncem a casa do dono.

pet-sitter-1

Quem pode ser pet sitter

Qualquer pessoa pode ser um pet sitter, desde que goste muito de animais e tenha paciência para cuidar e dar a atenção necessária a eles. É recomendado buscar cursos e treinamentos para adquirir a experiência necessária no assunto, sendo que atualmente muitos pets shops oferecem esses cursos por todo o país.

Para ser um bom pet sitter é essencial conhecer as peculiaridades de cada espécie e cada raça de animal, sabendo como agir em situações de emergência. Embora à primeira vista pareça ser uma forma fácil e rápida de ganhar uma renda extra, ser pet sitter exige muito conhecimento sobre comportamento animal e atenção redobrada durante o trabalho.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas