Você está aqui: Início » Doenças » Câncer de mama em cadelas

Câncer de mama em cadelas

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma das doenças que é mais temidas para que possui uma cachorrinha em casa, é o câncer de mama em cadelas, pois esse é um dos principais tipos de tumor que atingem o animal, e da mesma forma como a doença ocorre em pessoas, acaba gerando inúmeras dúvidas do que fazer, como tratar e prevenir.

Geralmente, um dos primeiros erros que muitos donos acreditam é que essa doença pode ocorrer somente em cachorros fêmeas, porém, machos também podem ser afetados, mas em menor escala.

No entanto, por sorte, uma boa parte de casos de tumores de mama em cadelas são benignos e acabam não afetando a vida do cão de forma negativa, porém, isso não quer dizer que o dono não tenha que levar a cadela ao veterinário para avaliar a gravidade a doença.

Entenda mais sobre o câncer de mama em cadelas

Da mesma forma como ocorre em mulheres, o câncer de mama em cadelas é uma indesejada realidade, em que os tumores são divididos em benignos e malignos, sendo uma patologia bastante comum em clínicas veterinárias, principalmente em cadelas não castradas, as quais são as mais acometidas.

Porém, mesmo as cadelas não castradas serem mais afetadas, ainda existe a possibilidade das cadelas que tiveram uma histerectomia, possuírem tumores ao longo da vida, e isso devido ao fato de que diversas fêmeas passam pela castração depois dos primeiros cios.

Sendo assim, a única maneira de se prevenir o problema é a realização de uma cirurgia de remoção de útero e dos ovários antes que a cadela tenha o primeiro cio, o que evita que ocorra a descarga de hormônios no corpo da cachorra.

Principais causas do câncer de mama em cadelas

Como falado anteriormente, a castração pode ser uma aliada para os donos de cadelas, pois ele acaba evitando que os ovários realizem a secreção dos hormônios no corpo da cachorra, sendo que os hormônios são as principais causas do câncer de mama em cadelas.

Além ainda dessa causa, os tumores de mama em cadelas podem aparecer por conta da pseudociese, o qual é um problema de saúde bastante conhecido como gravidez psicológica, onde tais hormônios estão no momento errado durante a pseudo gestação e desencadeiam o tumor de mama.

Outro fator que pode ocasionar no câncer de mama em cadelas e que muitos donos realizam nas suas cachorras, é realizas a injeção para que a cadela não dê cria, além do uso de anticoncepcional para evitar o cio, onde o anticoncepcional ainda causa câncer de útero e mudanças do endométrio.

Sintomas do câncer de mama em cadelas

Logo com seis anos de idade, a cadelas necessitam serem examinadas pelo menos uma vez por semana, em que os donos devem prestar atenção se a região do abdômen se encontra com caroços, inchaços nas mamas e aos arredores, além de dores, desconfortos ou secreções com cheiro desagradável.

Geralmente, o aparecimento de um nódulo perto das tetas, no entanto, não é um indicativo de tumor necessariamente, pois, ele pode ser somente um nódulo de gordura, o que não exige muita atenção.

Mas, as neoplasias necessitam de muito cuidado veterinário e urgente, pois são extremamente invasivas, sendo que um câncer de mama em cadelas pode ocasionar em metástases, onde os órgãos que são mais afetados são os pulmões, rins e o fígado.

Além disso, os tumores podem ainda serem identificados como uma massa mais sólida ou com o surgimento de inchaços pequenos e múltiplos, em que podem dobrar de volume em somente um mês, diferente dos tumores benignos, os quais já possuem um desenvolvimento mais lento.

Vale ressaltar ainda que a maior parte das cadelas apresentam cinco glândulas mamárias que se encontram na regiam do abdômen, onde ela apresenta ainda, sintomas como perda de apetite, febre e vômitos.

Quanto aos sinais clínicos, pode-se dizer que eles são inexistentes no início do câncer de mama em cadelas, onde elas só começam a apresentar os sinais quando a neoplasia está em um estágio avançado, em que elas possuem fraqueza, prostração sem algum motivo aparente e dores.

Como realizar a identificação do câncer de mama em cadelas?

A melhor maneira para poder identificar tumores nas cadelas é fazendo o apalpe na região das mamas, onde é possível que o veterinário ou dono encontre algum caroço enquanto toca essa região.

Caso você tenha uma cadela em casa, e se ela possui mais de cinco anos de idade, busque ao menos uma vez por mês examinar as mamas dela, colocando-a de barriga para cima e apalpando as mamas, em que em caso de vermelhidão, inchaço, dores e caroços, busque pelo veterinário.

Tratamento de câncer de mama em cadelas

Uma das melhores formas de tratar o câncer de mama em cadelas é realizando a cirurgia para a remoção da mama, onde caso o animal não tenha sido castrado, ele deve ainda passar pela histerectomia, onde é possível realizar os dois procedimentos juntos.

No entanto, antes de realizar a cirurgia, é necessário que a cadela passe por certos procedimentos, em que ela deve realizar alguns exames convencionais, como o eletrocardiograma e exame de sangue para que o médico veterinário tenha conhecimento se o organismo dela está em perfeito funcionamento.

Além ainda dos exames convencionais, é comum que alguns veterinários ainda peçam exames como o raio-X do tórax e ultrassom de abdômen, em que esses irão avaliam se o tumor se encontra enraizado ou se existe alguma metástase, o qual é um fenômeno em que o tumor se espalha para outros órgãos.

Prevenção para o surgimento do câncer de mama em cadelas

Mesmo que certos tumores de mama não dependam de estrógeno e de progesterona no seu desenvolvimento, realizar a castração da cadela é considerada ainda como a melhor prevenção do câncer de mama em cadelas, seja como uma forma profilática ou como uma condição terapêutica em cadelas que são submetidas a mastectomia.

Além disso, a castração realizada logo nos primeiros meses de vida da cadela, pode ainda evitar de forma completa o aparecimento do câncer de mama em cadelas, sendo esse fato comprovado de forma científica, onde ao realizar antes do primeiro cio, é zerada a chance de ela ter um tumor de mama quando adulta.

Portanto, se você possui uma cachorrinha em casa, é necessário que você tenha muita atenção em relação ao câncer de mama em cadelas, onde o indicado é que se faça a castração, pois ao retirar o ovário, você estará tirando o hormônio que irá levar a cadela a ter o tumor de mama durante a sua vida.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas