Início » Todos os posts » Curiosidades » Cães Terapeutas: O que são e o que fazem?

Cães Terapeutas: O que são e o que fazem?

Compartilhe!
  • 46
  •  
  •  
  •  
    46
    Shares

Você conhece o nobre trabalho dos cães terapeutas? Partes de equipes profissionais da área da saúde, não são raros os casos em que cães ajudam a tratar depressões severas, ou a devolver o sorriso e a confiança a muitas pessoas.

Se ainda não conhece o que estes simpáticos e carinhosos animais podem fazer por pessoas que precisam socializar como parte de seus tratamentos, confira as características principais da atividade destes cães que dedicam-se a dar alegria a tantas pessoas:

caes-terapeutas

Qual o trabalho dos cães terapeutas?

Cães terapeutas são cachorros treinados para participar de atividades de socialização, afeto e interação calorosa de diversos pacientes e pessoas que possuem dificuldade de relacionar-se com outras pessoas.

Geralmente, estes cães fazem parte de equipes maiores e multidisciplinares, que contam com profissionais de medicina, psicologia, assistência social e diversas outras áreas, dependendo do caso de cada paciente.

Entre tantos profissionais, o trabalho do cachorro é dar carinho e confiança às pessoas em suas relações com outros seres, assim como recriar o afeto e a possibilidade de apegar-se aos contatos com outros seres. Geralmente, os cachorros entram em ação para ajudar no tratamento de pessoas que já não possuem o desejo de interagir, brincar ou demonstrar qualquer tipo de afeto e apego com outras pessoas.

É mais fácil, para pessoas que possuem dificuldade de relacionarem-se com outras, interagir com um cão, que não faz distinções, julgamentos de valor ou tratamentos diferenciados, do que com outros humanos, que podem gerar uma série de medos e desconfianças.

A partir da retomada das interações com um cão terapeuta, a pessoa tratada pode, aos poucos, voltar a interagir normalmente com outros humanos, à medida que adquire confiança em relação ao seu trato social através da relação com o cachorro.

Quem pode ser tratado?

Idosos, crianças, e dependentes químicos em recuperação estão entre os principais pacientes dos cães terapeutas. Geralmente idosos em depressão, que perderam boa parte de seus relacionamentos sociais (e, até mesmo, seus cônjuges) preferem interagir com um cão do que com uma pessoa, e não são raros os casos em que a animal ajuda a tratar depressões.

As crianças doentes e os dependentes químicos em recuperação, por sua vez, beneficiam-se dos cães ao não perceberem neles, todos os motivos que os fazem desconfiar e temer outras pessoas, além de não possuírem motivos para se sentirem constrangidos com um cão.

Pouco interessa, a um cachorro, se a pessoa em sua frente perdeu seus cabelos em um tratamento, ou perdeu todas as posses para as drogas, por exemplo. Eles querem apenas oferecer e receber carinho, e farão isso – de quebra, darão confiança e alegria para seus pacientes!

Quais cães podem assumir o trabalho?

Diferentemente de outras atividades que cães realizam, como cães guia ou de guarda, não há raças que sejam ideais ou indicadas para a atividade. É importante que o cão seja dócil, amigável e goste de contato físico gentil.

Além disso, é importante que o animal já tenha dois anos e seja castrado. Animais que possuam estas características e estejam com a saúde em dia estão aptos para realizar a nobre tarefa dos cães terapeutas, alegrando e tratando diversas pessoas da forma que apenas um animal tão fantástico consegue fazer. Basta fazer um pequeno treinamento para que ele não reaja de forma agressiva sob nenhuma circunstância.

Se você possui um cão que atenda aos requisitos dos cães terapeutas e acha que seria uma boa atividade para o animal, pode procurar uma entre as diversas ONGs existentes no país que realizam o intermédio entre o cão, as equipes de tratamento e os pacientes que podem se beneficiar de sua existência.


Compartilhe!
  • 46
  •  
  •  
  •  
    46
    Shares

Fazer Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Acompanhe nossas dicas