Início » Cuidados » Cachorro pode comer ração de gato? Saiba aqui!

Cachorro pode comer ração de gato? Saiba aqui!

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

Cachorro pode comer ração de gato?

Se você possui cães convivendo com gatos, já deve ter se perguntado se cachorro pode comer ração de gato. A pergunta possui um motivo: cachorros parecem magneticamente atraídos pela ração de seus companheiros felinos.

Embora cães pareçam, em diversos aspectos, bastante com os gatos, há diferenças significativa em seus organismos. Isso obriga os fabricantes a fazerem rações significativamente distintas para as duas raças.

Por isso, se você perguntar se um cachorro pode comer ração de gato, a resposta é: de certa forma sim. Um cão pode comer a ração de um gato de vez em quando. No entanto, uma não substitui a outra, e isso passa a se tornar um problema quando vira um hábito.

Entenda porque e quando cachorro pode comer ração de gato, e em que momento o hábito vira um problema de saúde:

Qual a diferença entre as rações?

As rações de cães e gatos são bastante diferentes. Um gato é um animal essencialmente carnívoro – o que significa que carnes e proteínas são suas principais fontes de energia. Já os cães, assim como os humanos, são onívoros, e precisam de uma dieta mais rica em fibras e nutrientes variados do que uma alimentação estritamente carnívora pode oferecer.

Por isso, a principal diferença está nos ingredientes. Mesmo que seja onívoro, o cão prefere carnes a fibras vegetais. Em sua ração, sempre há proteínas e carnes, mas na dos gastos, proteínas e carnes são praticamente toda a composição do alimento.

Por que cães gostam de ração de gato?

É justamente a diferença entre essas rações que explica o motivo pelo qual cães preferem as rações felinas. A maior concentração de proteína gera um sabor que agrada mais aos cães. Muitos treinadores, aliás, utilizam essa diferença como um incentivo comportamental para os cães, como uma espécie de lanche.

O estômago de um cão consegue lidar bem com o alimento, o que demonstra que, ocasionalmente, cachorro pode comer ração de gato sem maiores problemas. Isso não significa, no entanto, que o cão deva comer a ração o tempo todo.

Quais os efeitos colaterais da alimentação de cães com ração de gato?

O fato de o intestino ser capaz de lidar com um alimento composto quase exclusivamente com proteína não significa que ele é otimizado para isso. A densidade proteica pode irritar o estômago, gerando vômito e diarreia, especialmente em animais mais sensíveis. Para alguns cães, no entanto, o hábito raramente gera efeitos colaterais negativos;

Por isso, o cachorro pode comer ração de gato. Mesmo se for sensível ao alimento, vômito e diarreia não serão um problema sério e de longa duração e, se a reação ocorrer, basta evitar que o cão entre em contato com este tipo de alimento novamente.

Não confunda, por outro lado, o fato de que um cachorro pode comer ração de gato ocasionalmente com uma dieta baseada no alimento dos felinos. Uma dieta deste tipo não é adequadamente balanceada para um cão no que diz respeito aos nutrientes e fibras presentes.

Uma alta concentração de proteínas na dieta pode ser problemática para o fígado e para os rins do animal, e a ração não deve ser um hábito recorrente.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nossas dicas